sexta-feira, junho 3

Livros

Uma revista conservadora americana publicou uma lista dos dez livros mais perniciosos dos séculos XIX e XX (via Insurgente). Independentemente da metodologia usada para tal escolha e dos livros efectivamente escolhidos, não consigo perceber como é que se pode ter tanto medo dos livros ou considerá-los perigosos para pessoas adultas e equilibradas.

As ideias, tal como o conhecimento científico, não são boas ou más. E os livros apenas transmitem ideias. A distinção está no uso que fazemos dessas ideias. Talvez devêssemos procurar mais as causas que levam as pessoas a adoptar certas ideias e a agir contra os outros, em vez de andarmos preocupados com os livros que têm "ideias perigosas".

Já agora, se quisermos entrar neste jogo, podemos pensar na Bíblia e no Philosophiae Naturalis Principia Mathematica, de Newton. A Bíblia esteve na base da Inquisição, de inúmeras guerras religiosas e da vida e do trabalho da Madre Teresa de Calcutá. Nos Principia, Newton introduz e desenvolve o Cálculo Infinitesimal e a Mecânica Clássica. Estas ferramentas estão, directa ou indirectamente, na base de inúmeros progressos e desastres, científicos e tecnológicos, do nosso tempo, como a bomba atómica e a ecografia médica.

Como iríamos classificar estes livros?

9 comentários:

M disse...

Gostei de ler. Tem razão. Além do mais, tudo pode servir para reflectir. O mais importante é o equlíbrio humano, e esse consegue-se de várias maneiras.

Anónimo disse...

Caro CA, como pode ser tão ingénuo?
Urge denunciar esta conspiração infame para fazer reviver livros esquerdistas completamente esquecidos! Oito dos dez livros são clássicos infames da esquerda. Juntaram o Mein Kampf e o livro do Compte para disfarçar...

wind disse...

Claro que onde há equilíbrio tudo pode ser lido e criticado, pois temos essa capacidade.

Menina_marota disse...

Como se pode criticar, se não se conhecer?

Por acaso até sou uma fã de Nietzsche, mas isso não faz de mim comunista, ou faz?

"Dai-me grude - que a madeira
Eu mesmo a hei-de encontrar!
Em quatro rimas sem senso
Meter senso - é de orgulhar!"

(Vaidade de Poeta by Friedrich Nietzsche)

Bom fim de semana :-)

Menina_marota disse...

Faltou-me referir que este comment era em parte, dirigido ao "anonymous" ali de cima... :-)

Jinhos :-)

Anónimo disse...

Well done!
[url=http://lqnigpqq.com/lldf/bchm.html]My homepage[/url] | [url=http://cqoevzlt.com/rvgh/krtz.html]Cool site[/url]

Anónimo disse...

Thank you!
My homepage | Please visit

Anónimo disse...

Nice site!
http://lqnigpqq.com/lldf/bchm.html | http://fzolxrlp.com/yzvv/okxj.html

Anónimo disse...

Keep up the good work florida freelance flash website designers canadian viagra canada buy in canada Deferred payment plans graduation online schools Garmin ique 3600 gps unitpalm os pda belle isle awnings Gericom hummer 2230 jogging strollers Lizzard running on water ashland trail running jogging as an exercise double jogging stroller cheap Raq4 spam filter 2002 jeep wrangler maintenance how to 4 card keno click here Subaru forester slams into gear jogging proper breathing