domingo, janeiro 1

7 comentários:

wasted blues disse...

Versão macabra do chapeuzinho vermelho ;)

Bom 2006!

Anónimo disse...

capuchinho :)))))

MaDi disse...

Parece o Pai Natal. Mas ao menos o Pai Natal não existe, com este temos que aturar :)

MC disse...

Não tinhas nada mais bonito para pôr aqui?

on disse...

MC,
não achas que ele acha que está muito bonito?

MC disse...

Ó On, já percebeste que eu não sou uma católica muito ortodoxa. Não sei se isso é bom se é mau. Para já, "Roma" é motivo quase sempre de tristeza para mim. Já há muito tempo. Esta questão do barrete, então, é de chorar. Tanto se me dá que o Papa, ponha ou não o barrete, já me inquieta a multidão que vai para lá, como se fossem aclamar a rainha de Inglaterra ou qualquer estrela pop. Isto deve ser um complexo que me vem desde que com 7 anos a minha mãe, me arranjou as tranças, vestiu-me o vestido novo e fui com os restantes colegas da escola aclamar o ministro que ia inauguarar a chegada da electricidade. Era pequena, mas já achava essas coisas uma tolice. Só tenho pena que não tive coragem de tirar a língua ao homem.

Não sei se o Papa se acha bonito com o barrete, mas que está convencido de outras coisas, lá isso está.
A Igreja católica, está a ser alvo de um mediatismo, (que ela procura)que não é nada bom. Mas pode ser que isto vá tão "abaixo" que depois renasça a ser o que deve: verdadeira presença de Deus no meio dos homens.

on disse...

Não é um barrete MC.
Sacrilégio!
É um Camauro. Só o papa é que pode usá-lo. A tira a branco é mais larga do que a dos seus antecessores.
Tenta parecer o PN.
Mas o que eu gosto mais é do casaco branco.