quarta-feira, julho 6

Pontos de vista

A propósito de direitos, sociedade e estados de espírito, vale a pena ler o post da Helena sobre a situação na Alemanha.

Na Terra da Alegria de 2.ª feira o Afonso Cruz aborda o caso Galileu, sob o ponto de vista actual. A discussão continuou no Quase em Português e no Timshel. Afinal parece que eram os cardeais que estavam mais próximos da verdade! E esta, hem? Só é pena que a Terra da Alegria não permita comentários.

5 comentários:

timshel disse...

CA

É verdade que a Terra da Alegria não tem caixa de comentários. Independentemente de saber se essa postura foi (e é) adequada, o que é certo é que toda a gente pode escrever na Terra da Alegria. Basta mandar um email e é publicado na segunda-feira. Para além do mais, quase todos os bloggers da Terra (como eu) têm caixa de comentários e portanto podem-se fazer os comentários, por exemplo no meu blogue pois faço sempre um post a anunciar mais um número da Terra.

Quanto ao fundo do problema, já comentei no Lutz. Assim que tiver mais tempo espero voltar a essa problemática. mas é sempre o velho problema da ciência enquanto conceito absoluto. E se não o é então qual é a natureza e a função da ciência?

CA disse...

Timshel

Quanto à terra da Alegria, penso que a vantagem da caixa de comentários seria centralizar as discussões, o que facilitaria consideravelmenet a organização dos argumentos. Note que já há comentários no seu blog, no do Lutz e agora aqui, o que não facilita a organização dos argumentos.

"é sempre o velho problema da ciência enquanto conceito absoluto"

Para mim esta pergunta mostra que o problema do caso Galileu não está resolvido: antes como hoje a teologia acha-se no direito de avaliar a natureza da ciência. No tempo de Galileu achava-se que bastava a Igreja afirmar que o Sol andava à volta da Terra e que a ciência, quando muito poderia colocar hipóteses matemáticas. Hoje, em vez de se reconhecer a autonomia epistemológica da ciência, volta-se à carga com as discussões sobre o absoluto e o relativo. A radical incompetência da teologia para discutir a epistemologia deveria ter ficado clara com o caso Galileu e dever-se-ia ter aprendido alguma coisa com isso. Não se aprendeu e por isso ainda hoje a hierarquia continua a cometer os mesmos erros.

on disse...

A terra da alegria continua a querer evangelizar o indígena. A arrogância da não existência de comentários diz tudo.

Anónimo disse...

Very cool design! Useful information. Go on!
» »

Anónimo disse...

Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. here