terça-feira, janeiro 29

3. O que aconteceu, aconteceu

Se nada mais pode ser feito, esquece o mal que te fizeram. Segue em frente.

6 comentários:

mendigo disse...

E como é que se consegue isso?

sofia disse...

Arranja-se uma concha, fechamo-nos lá dentro, produzimos uma pérola, abrimos a concha, saímos de dentro dela e... a vida continua.

Não se consegue. Faz-se.

Sun Tzu disse...

Mendigo,
Não se consegue, acontece. Uns meses atrás comecei a ler o tal livrinho. Duas páginas cada noite, antes de me deitar. Ao fim de uns dias as pessoas mais próximas de mim começaram a sentir algumas modificações. Andava mais calmo mais estável, talvez mais feliz. As mudanças aconteceram. Não lhes expliquei porquê. As pessoas têm uma certa tendência a querer provar que estas coisas não funcionam. Se lhes dermos oportunidade, terão sucesso. Daí a regra número 1.

Sun Tzu disse...

Agora leio o livro à noite, escrevo mentalmente o post do dia seguinte e depois passo-o ao papel de manhã. A seguir clico na label "vida" e releio os posts anteriores. Ler os vossos comentários ajuda-me a repensar aquilo que escrevi. Evito no entanto entusiasmar-me demasiado cons as construções intelectuais do on. Infelizmente o intelecto não pode fazer muito pela nossa estabilidade emocional e pela nossa felicidade.

E vou à minha, um pouco menos rabujento, espero.

Sun Tzu disse...

Jaime,
na ciência um método só é bom se funciona sempre. Na vida, temos de nos contentar com muito menos. Não acredito que ler o meu livrinho me ajudasse muito se atropelasse uma criança na passadeira. Mas pode-me talvez ajudar nos pequenos erros do dia a dia.

PS: Se o Hitler não tivesse cometido erros, tinha ganho a guerra:)

Sun Tzu disse...

Deixemos as crispações para quando não as conseguimos evitar.

Sofia,
quando lês os meus posts não precisas de concha. Estende-te na areia e apanha um pouco de sol.

Jaime,
do outro lado da net dificilmente vais cometer um erro que me prejudique. Goza a vida:)